terça-feira, 30 de setembro de 2014

Para Cecília e Olívia...



Meu amor deu-me uma saia
Que é da cor do açafrão
É uma saia rodada
Tem uma barra bordada
Ai em forma de um coração

É uma saia das sete
Que me deu p'ra eu cantar
Cada qual tem sua cor
Do vermelho do amor
Ao verde da cor do mar

Mas a que uso mais vezes
É negra de cetim
É a que condiz comigo
Quando não estou contigo
Ui e tu estás longe de mim

Meu amor deu-me uma saia
Que é da cor do açafrão
É uma saia rodada
Tem uma barra bordada
Ai em forma de um coração

É uma saia rodada
Ai em forma de um coração

Link: http://www.vagalume.com.br/katia-guerreiro/tenho-uma-saia-rodada.html#ixzz3Ejq5Qg3h

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Tutu Pink



"Na roda da saia, magia que o mal desfaz
O som do violino empolga e alegra
Traz a paz...
Fitas, pandeiro de meia lua
Na alma o amor verdadeiro continua..."

Tutu alaranjada com laço de cetim


Sua saia é rodada, leve, com
 fitas de cetim...bailando!!!!!

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

As Mãos...

                               
“Sem menosprezo pela máquina, a felicidade ainda está em nossas mãos, ocupadas, não apenas em apertar botões e teclas, mas criativamente, à semelhança do músico, dedilhando... na hora de produzir peça por peça, que ainda é a vez do artesão, que trabalha olhando para as próprias mãos... há mistério... Quando eu olho para as minhas mãos sinto-me feliz, disse uma mulher rendeira. Não creio em fadas, mas que existem mãos de fadas, existem.  Olé mulher rendeira...”

Flores nas tiaras negras



PEQUENA FLOR

Como pequena flor que recebeu uma chuva enorme
E se esforça por sustentar o oscilante cristal das gotas
Na seda frágil, e preservar o perfume que aí dorme

E vê passarem as leves borboletas livremente
E ouve cantarem os pássaros acordados sem angústia
E o sol claro do dia às claras estátuas beijando sente

E espera que se desprenda o excessivo, úmido orvalho
Pousado, trêmulo, e sabe que talvez o vento
A libertasse, porém a desprenderia do galho

E nesse temor e esperança aguarda o mistério transida
- Assim repleto de acasos e todo coberto de lágrimas
Há um coração nas lânguidas tardes que envolvem a vida
Cecília Meireles

Um pouco de ponto cruz...

Almofada-sachê em monogramas
Porta-travesseiro do José

                                                   mais porta-travesseiros em ponto cruz

bolsas do José
Manta com Ursinho
Manta de bolinhas com laço bordado
Babitas
Toalha personalizada
Faço um pouco de bordado, cruzes!,  misturo  com poesia e cafezinho, se tiver companhia,  melhor... se não,  coloque uma boa música, sempre a sua preferida, é bom do mesmo jeito...

Ciranda de Cora

"O doce cora no fundo do tacho
A doce Cora vê doce em toda cor
A fina mão borda na borda e embaixo
A flor de Cora planta rosas com amor"

Chico Nogueira e Aldinéia

Laços e abraços

Laço
"Eu nunca tinha reparado como é curioso um laço... Uma fita... Dando voltas. Enrosca-se, mas não se embola. Vira, revira, circula e pronto: está dado o laço.
É assim que é o abraço: coração com coração, tudo isso cercado de braço.
É assim que é o laço: um abraço no presente, no cabelo, no vestido, em qualquer coisa onde o faço.
E quando puxo uma ponta, o que é que acontece? Vai escorregando... Devagarzinho, desmancha, desfaz o abraço.
Solta o presente, o cabelo, fica solto no vestido.
E, na fita, que curioso, não faltou nem um pedaço.
Ah, então, é assim o amor, a amizade.
Tudo que é sentimento. Como um pedaço de fita.
Enrosca, segura um pouquinho, mas pode se desfazer a qualquer hora, Deixando livre as duas bandas do laço. Por isso é que se diz: laço afetivo, laço de amizade.
E quando alguém briga, então se diz: romperam-se os laços.
E saem as duas partes, igual meus pedaços de fita, sem perder nenhum pedaço. Então o amor e a amizade são isso...
Não prendem, não escravizam, não apertam, não sufocam.
Porque quando vira nó, já deixou de ser um laço!...


...Um laço que ata... Um laço que se desata..
Aqueles a quem oferecemos o coração, poderão se distanciar, buscar outros caminhos, atravessar outras fronteiras. Eles têm o direito de assim proceder, se o desejarem. De nossa parte, lembremos da leveza do laço e cuidemos para que não se transforme em nó, que prende e retém." 

Mário Quintana


sábado, 24 de maio de 2014

Tiaras "Laços"



                      



    

Tiaras "Cordão de seda"





Toda criança do mundo

Deve ser bem protegida
Contra os rigores do tempo
Contra os rigores da vida.

Criança tem que ter nome
Criança tem que ter lar
Ter saúde e não ter fome
Ter segurança e estudar.

Não é questão de querer
Nem questão de concordar
Os direitos das crianças
Todos têm de respeitar.



Pra não esquecer...

Pra não esquecer...

Contando com sua visita!